Virtualidades


As teorias higienistas deste governo

O Governo quer obrigar os portugueses a terem comportamentos saudáveis. Seguindo a moda politicamente correcta dos burocratas de Bruxelas, os nossos governantes querem impedir que as pessoas, claramente ingénuas e burras, tenham comportamentos nocivos para a sua saúde. A liberdade de transgredir fica assim comprometida (sobre este tema, ler o excelente artigo de António Pires de Lima esta semana no Expresso) com esta perseguição higiénica do governo.

A diminuição do IVA nos ginásios para 5% este ano foi o mais recente passo no sentido de uma sociedade saudável e limpa de vícios. A medida, generosa por certo para os donos dos estabelecimentos comerciais em questão, visa, segundo os nossos diligentes governantes, aumentar a frequência dos portugueses nos luxuosos Health Clubs.

Eu sou, geralmente, completamente a favor da baixa de impostos. A carga fiscal em Portugal é demasiado alta para o que o Estado nos oferece. Continuo a acreditar num estado mínimo, com impostos reduzidos. Sou daqueles loucos que pensa que devem ser as pessoas e não o estado a gerir o seu dinheiro.

Mas é ridículo baixar os impostos num mercado em que os utilizadores são da classe média/alta. Mais. É lamentável que um produto de luxo, os ginásios, seja taxado ao nível dos bens de necessidade. Será que eles acreditam que por este facto, os cidadãos de menores rendimentos vão passar a ir aos Health Clubs? Definitivamente, as preocupações destes socialistas estão muito afastadas do sentimento comum da população. “Out of touch!"

Sobre este assunto:

Esta é anedota, de certezinha…, no Farmácia Central

Etiquetas: ,

0 Responses to “As teorias higienistas deste governo”

Enviar um comentário

Links to this post

Criar uma hiperligação


Web This Blog

Blogues




© 2006 Virtualidades | Blogger Templates by GeckoandFly.
No part of the content or the blog may be reproduced without prior written permission.
Learn how to make money online | First Aid and Health Information at Medical Health