Virtualidades


Desastre à direita?

Terminada a campanha eleitoral para Lisboa, é altura de fazer uma análise aos possíveis resultados de domingo. Para a direita só pode haver dois cenários: grave crise ou desastre. Segundo as sondagens, o mais provável é mesmo acontecer um desastre para os partidos da direita. No caso do CDS, acredito que conseguirá eleger um Vereador, pois as sondagens nunca são simpáticas para este partido.

O PSD, a ter um resultado abaixo dos 20%, que já seria um mau resultado, e se ficar atrás de Carmona Rodrigues, poderá encalhar num verdadeiro desastre. Esta será uma derrota de Marques Mendes. Uma derrota esperada, mas mesmo assim escandalosa. O PSD era o partido maioritário em Lisboa desde 2001. As culpas não serão todas desta liderança, pois alguns dos problemas de Lisboa já se arrastavam desde tempo de Santana Lopes. Mas a verdade é que Lisboa não foi bem governada nos últimos anos. Ao ter o pior resultado de sempre em Lisboa, independentemente de ficar ou não atrás de Carmona, Marques Mendes terá de assumir os maus resultados. Fernando Negrão, um homem sério e integro, fez o possível neste contexto. Mas a partir de Domingo, o PSD terá que mudar de vida, caso contrário, será irrelevante nos próximos anos para Portugal.

O CDS também não estará em melhores lençóis. Depois da deserção de Maria José Nogueira Pinto para o campo socialista, e com um candidato não muito conhecido, o partido de Paulo Portas arrisca-se a não eleger sequer um Vereador. A liderança de Paulo Portas não estará em causa, mas é um mau inicio para um mandato que se esperava de regeneração do partido.

Etiquetas:

0 Responses to “Desastre à direita?”

Enviar um comentário

Links to this post

Criar uma hiperligação


Web This Blog

Blogues




© 2006 Virtualidades | Blogger Templates by GeckoandFly.
No part of the content or the blog may be reproduced without prior written permission.
Learn how to make money online | First Aid and Health Information at Medical Health